Qwitter – Um cliente acessível para o Twitter.

Conversando com um outro Lucas amigo meu no msn ontem, ele me falou de um cliente para o twitter que era totalmente acessível com leitores de tela. Eu pedi para que ele me enviasse porque não custava nada experimentar. Confesso que já tinha ido com um pouco de receio, os outros que havia testado nunca foram muito bons, e sempre preferi usar o twitter pela página. Mas dessa vez eu estava errado.

Este cliente mostrou-se ser algo muito útil e fácil de usar. Gostei tanto que estou pensando em doar uma grana pros caras pelo ótimo trabalho que fizeram, afinal, boas iniciativas devem ser incentivadas.

Vamos parar de história, e falar sobre o cliente em si e como obtê-lo.
Inicialmente, vá até Este Link e faça o download da última versão do cliente – aproximadamente 8 mb.
Em seguida, a instalação é a mesma coisa de sempre. Dê next em tudo. Quando acabar a instalação, duas opções estarão marcadas:
 Launch qwitter e launch readme.html.
Se você entender inglês, pode abandonar este post e ler o readme dos caras que é muito bem
explicado. Do contrário, desmarque a opção readme.html e deixe apenas launch qwitter.
A primeira vez que você abrir o qwitter ele estará sem nenhuma configuração. Aperte control + windows + o e inicie as configurações. O que recomendo mudar por agora é apenas as informações da aba geral, onde você colocará seu username e seu password. Dê um ok e está pronto.
Aperte control + windows + q e encerre o programa. Abra-o novamente pelo menu iniciar, todos os programas, qwitter. sua conta já estará configurada e abrirá corretamente.

A seguir darei algumas dicas de uso deste cliente. Lembre-se que ele não exige uma tela para executar qualquer comando, você pode usar estas combinações de teclas de qualquer lugar que esteja.
– novo tweet – control + windows + n – digite o tweet e depois enter para enviá-lo. Para saber quantas letras ainda lhe restam, use o comando de leitura de título da janela com o seu leitor de telas. Ex: insert + t no jaws.
– Ler sua timeline – O programa é dividido em diferentes buffers, home, mentions, sent e direct messages. para mover entre eles, use control + windows + seta para a direita ou para a esquerda. Para ler os tweets do buffer que você se encontra, use control + windows + setas para cima e baixo. Você também pode usar control + windows + homme ou end para ir para o início desta timeline ou para o fim dela.
– Reply – com um tweet de uma certa pessoa selecionado, aperte control + windows + r – isso abrirá uma caixa que você pode digitar a mensagem e enviar o seu reply para a pessoa.
– Retweet – control + windows + shift + r – uma caixa com a mensagem abrirá, onde você pode fazer alterações – ex: colocar um comentário antes do retweet. Depois, enter para enviar normalmente.
– visualizar um link de um tweet – control + windows + b – abrirá uma lista com os links do tweet selecionado. Se entrar em um deles, uma página no seu navegador padrão abrirá com o link escolido.
– visualizar com mais precisão o tweet – Isso é comum ao se usar um leitor de tela. Queremos saber como a palavra foi escrita, um nome que não entendemos ao ouvir ou simplesmente ler a mensagem palavra por palavra. Use control + windows + v e uma caixa de mensagem, igual como se você estivesse postando um tweet abrirá com a mensagem da pessoa.
você pode usar as setas e ler essa mensagem. Se você clicar em ok, você postará este mesmo tweet. é outra forma de enviar um RT, dando control + windows + v, antes da mensagem digite RT nome da pessoa e aquela mensagem será postada. Caso apenas queira ver como o tweet foi escrito e lê-lo palavra por palavra, apenas de um ask que ele sairá.
– Seguir uma pessoa – control + windows + l – permite você seguir uma pessoa mencionada em um tweet que esteja selecionado.
– unfollow – control + shift + windows + l
– Falar o item selecionado – control + windows + barra de espaços.
– Atualizar um buffer – nas configurações, o tempo inicial foi setado para atualizar os buffers a cada 4 minutos. Se você quiser atualizar este buffer antes que ele o faça, use control + windows + u.
– copiar o tweet para a área de transferência – control + windows + c.
– visualizar followers – control + windows + [ – criará um buffer contendo os seus followers.
– visualizar quem você segue – control + windows + ] – criará um buffer contendo as pessoas que você segue.
– Desfazer um buffer – control + windows + ‘ – tirando os 4 buffers que o programa sempre apresenta, qualquer outro que foi criado pode ser desfeito com esse comando.
– Visualizar número de chamadas api restantes – control + windows + a –
Por hora, o twitter disponibiliza para conta um número de chamadas api. Toda vez que você executa uma função no twitter por um cliente ou por qualquer outro meio que não seja pela própria página, você gasta uma dessas chamadas api. Enviar um novo tweet, ler sua timeline, atualizar qualquer coisa gastará chamadas api. Este comando permite você visualizar quantas chamadas api restantes você possui. É raro elas acabarem, mas caso você perceba que o cliente parou de funcionar, teste esse comando e veja se as suas chamadas api não acabaram. Espere alguns minutos e logo receberá mais.
– visualizar timeline de uma pessoa – control + windows + i – cria um buffer contendo os tweets da pessoa selecionada.

Outros comandos de busca, visualizar os trending topics, personalizar maneira que as mensagens são enviadas existem. Se necessário, faço outro post explicando tais funcionalidades.

Postem nos comentários o que acharam!

Anúncios

~ por lucasradaelli em 30 de dezembro de 2009.

3 Respostas to “Qwitter – Um cliente acessível para o Twitter.”

  1. muito interessante, valeu cara, eu desconhecia isso.

  2. Não gostei. Tá louco! Decorar essa infinidade de comandos pra usar um programa é um parto! Poderia ser mais intuitivo, com menus e tal. Além disso, se você se conecta à Internet por trás de um proxy, esqueça. Não achei essa opção nele.

    • André,

      Até concordo que a quantidade de comandos é um pouco grande, mas acredito que são bem intuitivos. A maioria deles segue o padrão de ser control + windows + alguma letra, e essa letra normalmente é a primeira letra da ação que queremos fazer. Por exemplo, postar um novo tweet control + windows + n. Responder alguém control + windows + r, e por aí vai. Sobre o proxy não sei te dizer, mas de resto eu acho que se você der uma chance para o cliente vai acabar se acostumando, ele é realmente ótimo. O fato de você não necessitar estar em uma janela específica para dar os comandos facilita muito na minha opinião.

      abraços!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: